terça-feira, 3 de abril de 2012

Despedida (Para minha Mãe, com todo meu amor)


Mãe, segure na mão de Deus e caminhe sem medo,
entre neste túnel de luz que se abre e a atrai!...
Deixe pra traz este mundo de lutas e tantos enredos
Vá em paz, siga o clarão, não olhe pra trás.

Mãe, minha melhor amiga, confidente e companheira,
acabou este longo sofrimento que tanto a desgastou!...
Já não existem entraves, dor, gemidos, nem barreiras,
Deus fez de seus atos um balanço e por mérito os aprovou.

Abrace papai, vovó, vovô, toda a família que tanto amou!
Usufrua do bem que fez e que só a abençoou...
Entregue-se a esta nova vida com a honra da plenitude
e perpasse o mistério da morte, com o passaporte de suas nobres atitudes.

Mãe, saudade... muita, tanta, imensa, infinda, vai deixar...
Mas deixa também um exemplo de amor, superação, alegria, doação...
E quando a agrura da vida a nós, suas filhas, molestar,
é só lembrarmos, como era bondoso, simples, imenso, puro, seu coração.

Mãe... Este adeus é apenas um adeus temporário, provisório...
Logo ali na frente iremos felizes, lhe encontrar e abraçar!
As suas atitudes frente à vida serão sempre nosso espelho obrigatório,
a herança que deixou foi a sua imensa capacidade de só e sempre amar, doar e perdoar.

Carmen Vervloet

3 comentários:

Maria Helena Vervloet Poltronieri disse...

Carmem,meus sinceros sentimentos pela perda da sua mãe,mas console-se tendo a certeza de que ela se eontra nos braços do PAI de onde saiu.Abçs.M H.

Amo poesia e adorei ler as suas.

Sonia Rita Sancio Lóra disse...

Receba o meu abraço carinhoso e saiba o tanto que sinto pela perda de sua mãe linda e querida. Fiquem bem, sintam toda a saudade que puderem sentir, levando sua mama querida sempre no coração. Sua amiga Sonia

Myrian Loureiro disse...

Poeta minha madrinha de crisma tia Carmen deicha um vazio muito grande, mas segundo suas palavrasum espelho de amor ,muito amor. Beijos Myrian